Posts

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

As Sombras

Olá, mais uma vez trago pra vocês um dos meus contos, espero que gostem.

Era fim de tarde, um grupo de amigos brincava na sala, mais um dia estava indo embora. Como já estava escurecendo, a mãe de James convidou os amigos dele pra passar a noite lá.

Eles estavam sem sono e não tinha muitas coisas pra fazer, então um deles resolveu brincar de imitar animais com a própria sombra, já que não tinha nada pra fazer os outros resolveram brincar também, logo eles sentiram algo estranho nas sombras, elas pareciam se mexer sozinhas agora.




Assustados, eles acendram a luz e tentaram dormir. Quando finalmente conseguiram pegar no sono, algo os acordou.

Ao abrirem os olhos, eles viram uma cena assustadora, a sombra de cada um estava em pé, olhando fixamente pra cada um. Durante 10 segundos eles não conseguiram se mexer, talvez estivesse em choque.

Dessa vez as sombras iriam se divertir com eles, elas empurravam os garotos, tomavam formas de monstros terríveis e riam sem parar da cara dos pobres garotos assustados.

A mãe de James ouve gritos no andar de cima e resolve ir ver o que está acontecendo. Ela abre a porta e vê os garotos ajoelhados de frente para as paredes, repetindo sem parar: ‘’Não se deve brincar com sombras. ’’
Ela chama pelos garotos e eles correm para perto de dela Ela conta á eles que um dia já avia passado pela mesma situação quando mais nova. E diz que sombras são seres travessos e diabólicos e que não se deve brincar com elas.

A mãe de James também brincava com sombras e até hoje se lembra do dia em que a sua sombra se transformou em um demônio que tentou leva-la para o mundo escuro. Quase ninguém repara, mas a mãe de James não tem sombra.

A sombra dela existiu e se foi a muito tempo quando ela rejeitou o demônio que ali habitava.

Nenhum comentário:

Postar um comentário